Twitter – Mudança de opinião em alguns minutos de uso

31 F Y

Eu não gostava do twitter. Sim, me apedrejem. Não via sentido nenhum em mensagens de 140 caracteres e até agora tinha visto muito pouco uso para essa ferramenta, um deles sendo a padaria que tuitava para avisar que tinha saido uma fornada de pão quentinho.

Aqui na Campus Party, é praticamente impossível ficar sem twitter. Se você quer saber o que está acontecendo, é obrigatório estar conectado. Promoções, horários de palestras, resenhas e divulgação em geral do que está acontecendo nesse evento com mais de 6000 pessoas se torna algo fácil de realizar!

Minha experiência foi a melhor possível… com 3 horas de twitter criado, ganhei uma passagem aérea da Azul, e ontem, após saber de mais uma promoção deles, ganhei outra passagem, um voucher e uma maquete de um Embraer EMB-190 (além da foto com esses aviões essas aeromoças).

A possibilidade de divulgar os eventos e promoções relâmpago que estavam sendo realizados pelos MSPs e pelo pessoal de interoperabilidade da Microsoft aqui na CP2010 e ter um retorno quase imediato finalmente abriu meus olhos para todo o poder dessas pequenas mensagens.

Enfim… acho que viciei. Vou tuitar isso 🙂

UPDATE:

A pedidos (de @filipecalegario, pra ser específico…), meu twitter é @amirtonchagas.

Anúncios

Prêmio Nacional da Interoperabilidade

30 F Y

Depois do sucesso do Desafio de Interoperabilidade proposto pela Microsoft aqui na Campus Party 2010, gostaria de lembrar vocês sobre o Prêmio Nacional da Interoperabilidade.

Esta competição realizada pelo Senai com apoio da Microsoft, tem como objetivo difundir as possibilidades de interoperabilidade de sistemas e ferramentas da Microsoft com as ferramentas e sistemas providos por outras empresas ou pessoas.

O Prêmio é focado em estudantes, e será tipo uma prévia da Imagine Cup, nos moldes do XNA Challenge, mas focado na categoria de Interoperabilidade. O tema, as 8 metas do milênio, é o mesmo da competição mundial. O vencedor NÃO está automaticamente classificado para a Imagine Cup, mas a competição é de grande ajuda para validar a idéia e conseguir aprimorar o projeto antes de submeter para a Imagine Cup.

A premiação também é muito interessante, um netbook por membro da equipe, mas em comparação com a experiência e conhecimentos adquiridos durante a realização do projeto, não é nada. Vale realmente muito a pena participar, principalmente se você tem como objetivo participar e ganhar de uma Imagine Cup.

Pra quem não sabe, atualmente, o Brasil é o campeão mundial da categoria Interoperability Award da Imagine Cup. Em 2009, eu e meus amigos da Proativa levamos o ProLearning para o Egito e ganhamos. Não podemos participar este ano por causa disso mas queremos que o Brasil mantenha o título. Uma iniciativa como esta ajuda muito a preparar o pessoal, não perca essa chance!

Por último, fazendo propaganda… Não posso participar como competidor, mas posso ser mentor de qualquer equipe nesta categoria. Se você tiver alguma idéia, entre em contato comigo para podermos trabalhar juntos e tentar levar sua idéia para o Prêmio de Interoperabilidade e posteriormente para a Imagine Cup 2010, na Polônia!


Atenção Campuseiros: Desafio de Interoperabilidade – Concorra a um Netbook Asus Eee-PC

26 F Y

Esta é pra quem está na Campus Party 2010. A Microsoft está propondo um desafio para vocês: Uma competição relâmpago, em que os campuseiros devem projetar um sistema que permita a interoperabilidade entre diversas ferramentas.

O tema da competição é: “O que você consegue fazer de mais criativo, integrando o Windows com outro Software?”. O regulamento completo está compartilhado no SkyDrive, basta seguir o link: https://cid-0009bc1640dc81c8.groups.skydrive.live.com/self.aspx/.Documents/Regulamento%20Desafio%20Interop/regulamento%5E_desafio%5E_interop.pdf

Eu e Lucas participaremos da avaliação dos projetos. Devido ao pouco tempo disponível, uma implementação completa não é obrigatória, mas um pouco de código ilustrando minimamente o objetivo de seu projeto é um diferencial. O mínimo para participar é responder as perguntas de 1 a 5 deste documento. Perceba que este documento é o mesmo documento do I Premio Nacional de Interoperabilidade, logo, participando deste desafio você já está se preparando para esta outra competição!

Se você estiver interessado em participar e precisar de ajuda, orientação ou só conversar pra discutir a idéia, deixe um comentário neste post ou procure por mim ou por Lucas na CP. Também pode falar com os MSPs que estão na feira. Se eles não souberem ajudar, vão saber onde nós estamos 😉

Tentem, vale a pena, e ainda serve como aquecimento para uma competição maior, o I Prêmio Nacional de Interoperabilidade. Vale lembrar que ontem a Microsoft confirmou a presença da categoria Interoperability Award na Imagine Cup 2010, logo, seu trabalho também vai ser uma preparação para esta competição incrível. Além de tudo, o prêmio, um netbook, não é de se deixar escapar fácil!

Para maiores informações da competição, se cadastre no grupo da Live feito para os campuseiros.


Na Campus Party 2010

26 F Y

Depois de um atraso de quase 2 horas do voo, estou aqui na Campus Party 2010. Daqui a pouco vou palestrar no palco de Desenvolvimento, junto com Lucas da Proativa e Marinez da Microsoft, mostrando o ProLearning e falando sobre Interoperabilidade.

Vejam o trabalho que deu pro n00b aqui montar a barraca (sem duplo sentido…):

Armando a barraca

Na barraca montada


Campus Party 2010, aí vou eu!

24 F Y

Post rápido e pequeno… Só pra avisar que estarei na Campus Party esse ano, a convite do pessoal da Microsoft, pra participar da apresentação de Interoperabilidade mostrando, junto com Lucas, o ProLearning, que pra quem não sabe, é o projeto que levamos para a Imagine Cup 2009 e ganhamos na categoria de Interoperabilidade.


Apocalipse no CIn – BSOD geral nos grads

15 F Y

O dia: 03/09/2008. A hora: 12:12. O local: Laboratórios de graduação no CIn/UFPE.

Eu havia acabado de deslogar da máquina que estava usando no Grad 1. Ia almoçar e depois ir para o estágio (na época, eu estava estagiando na FAST). Logo depois de pegar minhas coisas, mas antes de levantar, vi o computador que eu havia usado com uma Tela Azul da Morte (BSOD, Blue Screen of Death, tela de “perdeu preibói” do Windows…).  O do lado direito, também. O do lado esquerdo, idem. Levanto. Todos os monitores do grad exibiam aquele tom azul velho conhecido de quem usou muito Windows 98 com hardware safado sem driver decente…

Alguns alunos ficam simplesmente olhando para a tela, com a cara de “perdi meu projeto de [IP/PG/lista de algoritmos]” (afinal, só Jesus salva!)… outros ficam olhando entre si, querendo saber quem ou o que causou aquilo. Saio do Grad 1, e vejo que o Grad 2 está do mesmo jeito. A disposição das máquinas no G2 é melhor que no G1, saco meu telefone com camera VGA super safada e registro o momento:

BSOD geral no CIn!

Ao sair e passar na frente do suporte, através daquelas paredes de vidro quem quisesse podia ver algumas máquinas lá dentro também na tela azul, e um dos caras do suporte olhando com uma cara de surpresa que parecia demais com a dos alunos…

Fim dos dias? Ataque terrorista? Apocalipse? Algum “ráquer v1d4 l0k4” (© TolicesDoOrkut) fazendo estrago?

Não… Depois, conversando com alguém do suporte, se não me engano o problema teve algo haver com o anti-vírus, alguma dll do Kaspersky tinha feito o estrago (provavelmente desatualizada, ele explicou direitinho o que tinha causado isso, mas faz tempo e não lembro mais). Parece que a bronca foi resolvida fácil, e até onde eu sei, outro BSOD day não aconteceu.

Minha sincera solidariedade com o pessoal que perdeu algum trabalho com isso, mas que deu uma foto “nerdmente” legal, ninguém pode negar 🙂

PS: Demorei pra postar isso pois só agora achei essa foto, que pensei ter perdido quando esse telefone velho (que btw ainda uso) deu uma bronca e precisou ser formatado e ir pra assistência…


Pedindo confirmação antes de fechar sua aplicação .NET

14 F Y

Seu usuário pode fechar sem querer sua aplicação. Foi maximizar a janela, errou e clicou no botão de fechar… já era. O mesmo para menus ou outras opções de encerrar o programa. Em alguns casos isso não é tão ruim, basta abrir novamente. Mas em outros, as consequências podem ser bem sérias. Exibir uma confirmação de que o usuário realmente deseja fechar a aplicação é interessante nesses casos.

Confirmação para fechar o programa

Exibir esta dialog para confirmação no .NET Framework é bem simples. O primeiro passo é tratar o evento FormClosing da tela principal de sua aplicação. Ao disparo deste evento, seu método irá receber como parâmetro uma instância da classe FormClosingEventArgs.

Esta classe possui duas propriedades:

  • CloseReason. Esta propriedade informa qual o motivo de sua aplicação estar sendo encerrada. Por exemplo, seu valor pode informar que o programa está sendo fechado pois o sistema operacional está sendo desligado ou pois o usuário pediu, entre várias outras razões. Esta propriedade é read-only.
  • Cancel. Esta propriedade informa se o fechamento da aplicação deve ser cancelado. Se ao final do método o valor desta propriedade for true, seu programa não será encerrado. Seu valor padrão é false.

No método tratando o evento FormClosing, você deve primeiro observar a propriedade CloseReason. Escreva uma verificação para evitar que a confirmação seja mostrada quando o sistema está sendo desligado, por exemplo.

Depois, exiba uma dialog através de MessageBox.Show, informando qual deve ser o texto, o título, o ícone e quais botões devem estar na dialog. O normal é como na imagem acima: Um texto explicando o que pode acontecer caso a aplicação seja fechada, ícone de aviso (Warning) e botões Sim/Não.

Usando o retorno do MessageBox.Show (uma instância de DialogResult, que informa qual botão foi pressionado na tela de confirmação), verifique se o usuário escolheu não fechar a aplicação. Caso isto tenha acontecido, mude o valor da propriedade Cancel de sua instância de FormClosingEventArgs para true.

Para ficar mais claro, segue um exemplo do código deste método, para criar a confirmação da imagem do começo do post:

private void FormClosingEvt(object sender, FormClosingEventArgs e)
{
    if (e.CloseReason != CloseReason.WindowsShutDown)
    {
        DialogResult result = MessageBox.Show(
            "Closing the application will stop changing your background image.\n\nAre you sure you want to leave?",
            "Are you sure?", MessageBoxButtons.YesNo,
            MessageBoxIcon.Warning);

        if (result == DialogResult.No)
        {
            e.Cancel = true;
        }
    }
}

Atribuindo este método para o evento de FormClosing do formulário principal de sua aplicação e alterando as mensagens para algo que se encaixe melhor no contexto do seu programa, você terá uma janela de confirmação evitando o fechamento acidental de sua aplicação.

Qualquer dúvida, deixe um comentário e responderei assim que puder.