Imagine Cup 2010 – Dia 0: Chegada em Varsóvia

2 F Y

O vôo para Londres ocorreu sem maiores problemas. Ao pousar em Londres, tivemos que correr para pegar nossa conexão, dado que o atraso de nosso vôo nos deixou em cima da hora, mas toda a delegação brasileira embarcou sem maiores incidentes. Acho que quem teve mais “dificuldade” fui eu, que além de passar pelos procedimentos normais, fui “sorteado” para passar pelo raio-x.

Deixando a Inglaterra para trás, a caminho da Polônia

O vôo para Varsóvia também foi bem tranquilo. O atendimento do pessoal da British Airways (tanto ontem, no momento do check-in, como durante toda a viagem em ambos os vôos) foi muito bom, superando os problemas com o atraso e com os equipamentos de entretenimento de bordo que não funcionavam direito no vôo de São Paulo para Londres, e estas pessoas que nos atenderam acabaram deixando uma impressão muito boa da empresa. Nosso maior problema é que nosso Banner, que foi despachado em São Paulo, não seguiu para Varsóvia, ficando em Londres e até o momento não chegou em nossas mãos.

Chegando em Varsóvia

Ao desembarcar, infelizmente assistimos o fim do jogo Brasil x Holanda, quando já estava 2×1… O pessoal do controle de fronteira foi bem amistoso, permitindo inclusive que o pessoal que estava mais afim de ver pudesse entrar na sala e ficar assistindo até o final da partida. Nossas impressões sobre os poloneses em geral por sinal está sendo muito boa. Até agora, todos foram simpáticos e prestativos conosco.

Proativa Team com o motorista do ônibus que nos levou ao hotel.

Depois de encontrar a equipe de organização local da Imagine Cup no aeroporto, seguimos para o hotel, onde a (também muito simpática e gentil) recepcionista Anna nos ajudou a conseguir um quarto no memso andar para todos os membros da Proativa. Fizemos o check-in, pegamos nosso kit da Imagine Cup, com mochila, agasalho e vários outros itens interessantes, jantamos e nos dirigimos a um dos nossos quartos, onde ainda estamos trabalhando para melhorar nosso projeto e nossa apresentação, sem previsão de hora para acabar!

Proativa Team trabalhando sem hora para parar.


Imagine Cup 2010 – Dia (-1): Ida para Varsóvia

1 F Y

Proativa ainda na fila do Check-in (depois de uma hora e subindo)

Depois do dia de treinamento, hoje passamos por mais um dia cansativo, mas dessa vez, por conta do atraso do vôo. Ao chegar no aeroporto, soubemos que o vôo estava 5 horas (isso mesmo, cinco horas) atrasado. Enfrentamos uma hora e meia de fila para fazer o check-in, e depois de almoçar, ficamos andando no aeroporto até a hora de embarcar.

Avião que levará a Proativa à Londres, de onde faremos uma conexão para Varsóvia.

Às 9 da noite, entramos finalmente no 747-400 que está nos trazendo para a Polônia. Já jantamos, e agora vou dormir, esperando que tudo ocorra bem, para que amanhã, já na Polônia, estejamos prontos para voltar a trabalhar no Pro@Edu.


Imagine Cup 2010 – Dia (-2): Treinamento para apresentação

30 F Y

Jogo rápido, só para não deixar de postar… O dia foi bem cansativo, mas proveitoso. Pela manhã, depois do café da manhã no hotel, tivemos a primeira parte da sessão de treinamento em apresentação, com a Eliane Mesquita, da InMind. Haviamos participado do treinamento do ano passado, mas para este ano, mas ela trouxe várias coisas diferentes e conseguimos identificar novas características nas pessoas da equipe, que ajudam a identificar os canais e as maneiras de atingir os jurados e pessoas que assistam nossa apresentação em geral.

Proativa Team com Eliane Mesquita

Depois do almoço, fizemos uma rápida dinâmica apenas entre nós da Proativa, para focarmos bem no projeto e podermos discutir alguns pontos que estavam pendentes. Depois disto, voltamos para a “aula” de Eliane, onde foram gravados alguns minutos da apresentação, já em inglês, e identificados pontos onde podiamos melhorar.

"Mãozinha da verdade" do grande Murilo da equipe TMD (Embedded Development))

Depois, voltamos para o quarto e estamos desde esta hora trabalhando no projeto. Estamos super empolgados, e com muita vontade de melhorar ainda mais o Pro@Edu.

Se quiser mais informações do projeto, siga nosso twitter: http://twitter.com/proativaTI


Imagine Cup 2010 – Dia (-3): Ida para São Paulo

29 F Y

Bem pessoal, agora é pra valer. Nós da Proativa (com exceção de Lucas, que está no Canadá e vai direto pra Polônia) estamos indo para São Paulo, assim como as outras duas equipes de Pernambuco que irão para as finais mundiais da Imagine Cup. Lá chegando, o Bradesco (que é patrocinador mundial da Imagine Cup este ano, assim como foi no ano passado) irá nos oferecer algumas atividades com o objetivo de aprimorar as apresentações dos projetos. Ano passado esta acessoria foi essencial para atingirmos nosso ótimo resultado, e acredito que este ano muitas dicas e técnicas que serão recebidas neste “treino” também serão de grande valor.

Proativa Team no Vôo Recife-São Paulo

Proativa Team no Vôo Recife-São Paulo. Equipe aproveitando as 3h e meia de viagem para descansar e recarregar as baterias.

Tirando alguns contratempos com a data da viagem, está tudo indo bem com a Proativa no andamento do Pro@Edu… Com exceção das (várias, muitas, quase todas do último mês, na verdade…) noites de sono perdidas, estamos muito bem. Trabalhamos muito, e ainda iremos trabalhar consideravelmente nesta reta final, pra tentar trazer este título inédito para o Brasil. O maior problema que temos de verdade, é que até o momento, nosso vôo para Varsóvia será exatamente na hora do jogo da seleção brasileira de futebol pelas quartas de final, contra a Holanda… Ceteris paribus, só saberemos o resultado algumas várias horas depois…

Agora tenho que parar de escrever que estão servindo o graaande almoço aqui no vôo, sanduiche quente com refri 🙂 Depois conto mais detalhes!


Sou Brasil!

10 F Y

Pessoal,

Está rolando uma competição em paralelo com a categoria de Software Design. É o Júri Popular, onde o voto das pessoas vai definir qual é o projeto preferido dos internautas. Para ajudar a Proativa Team, que representa o Brasil na competição mais importante do mundo da computação, é só entrar em http://www.soubrasil.com e seguir o link para votar em nosso vídeo no site da competição.

Com seu apoio, vamos trazer este título inédito para o Brasil!

Se for twittar isso, pode usar o seguinte link + hashtag: http://bit.ly/SouBrasil #SouBrasil

Não deixe de participar!


Consumindo WebService (WCF ou ASMX) em uma aplicação Silverlight

7 F Y

Trabalhando no projeto da Imagine Cup, tivemos a necessidade de criar um Web Service e consumi-lo dentro de uma aplicação Silverlight. Primeiro desenvolvi o Web Service, testando com uma aplicação ASP.Net, e tudo funcionou OK. Quando repassei o projeto para Edgar integrar com a aplicação em Silverlight, não funcionou.

O erro que era levantado era uma “SecurityException”, e a descrição dizia que faltava uma configuração de cross-domain no serviço. Começamos a investigar e encontramos várias soluções na web, mas nenhuma das primeiras tentativas funcionou. Poupando o blablablá, conseguimos resolver com a seguinte solução, encontrada (pra variar…) no Stack Overflow:

  • Crie um arquivo chamado “crossdomain.xml” na raiz do projeto do Web Service
  • Coloque o seguinte conteúdo no arquivo recém-criado:
<?xml version="1.0"?>
<cross-domain-policy>
  <allow-access-from domain="*" />
  <allow-http-request-headers-from domain="*" headers="SOAPAction" />
</cross-domain-policy>

Pronto, foi só colocar este arquivo no Web Service que o projeto Silverlight conseguiu se conectar e consumir os serviços sem problemas.


Grana Forte – Gerenciamento Financeiro

6 F Y

Recentemente, tive a necessidade de fazer um certo controle financeiro de algumas atividades com um grupo de pessoas. Inicialmente, estava usando uma planilha no Excel mesmo, no entanto, ela começou a se mostrar pouco eficiente para o meu cenário, então, fui procurar alguma outra ferramenta que pudesse me auxiliar nesta atividade.

A primeira que encontrei foi o Organizze. É uma ferramenta grátis que roda online, tem uma versão que pode ser acessada em dispositivos móveis (iPhone e iPod Touch inclusos) e atende bem necessidades simples. Infelizmente, ela não atende minha maior necessidade, que é o gerenciamento de múltiplas fontes financeiras.

Para explicar melhor meu cenário: Temos 4 pessoas e uma conta bancária. É necessário saber quanto dinheiro cada pessoa tem que “não é dela”, e sim do grupo. Desta forma, na prática, cada pessoa pode ser tratada como uma conta bancária, e as despesas do grupo pagas por cada pessoa devem ser debitadas do quanto elas possuem de dinheiro do grupo, assim como o dinheiro do grupo que é repassado para a pessoa deve ser creditado em sua “conta”. Esta é uma situação suficientemente comum, e posso citar como exemplos: Comissões de formatura, empresas start-up, grupos de amigos organizando festas, entre vários outros exemplos.

O melhor programa que encontrei para atender esta minha necessidade foi o Grana Forte. Com ele, é possível fazer exatamente o gerenciamento que eu precisei para a minha situação, controlando diversas contas, podendo fazer transferências entre elas e o controle em geral.

Exemplo da Tela Principal do Grana Forte

Além de conseguir gerenciar bem as múltiplas fontes, a geração de gráficos dele é muito útil. É possível personalizar bem a geração dos gráficos de acordo com a sua necessidade. O resultado pode ser muito útil na hora de identificar onde você está gastando muito, e se possível, começar a dar um aperto naquela despesa.

Exemplo de gráfico gerado pelo Grana Forte

Uma das maiores vantagens deste software é sua simplicidade. Tudo é muito fácil de fazer, a interface é bem enxuta, sem muita firula. As principais atividades são alcançáveis através de um clique, os botões são bem identificáveis, tornando o tempo que levo para fazer o registro das movimentações no mínimo possível. Outras ferramentas que cheguei a testar, no entanto, que eram um terror: Usavam imagens no plano de fundo, deixavam uns 30 botões pequenos com ícones que não deixavam claro o que aquele botão faria quando fosse clicado e ainda exibiam informações completamente desnecessárias (pra mim, mostrar uma piada quando o programa abre é desnecessário…).

A unica característica que sinto falta no Grana Forte é um controle de contas à pagar, ou pelo menos um “lançamento programado de  transações”. Algumas coisas eu sei que vou ter que lançar, como por exemplo, uma compra parcelada… Inserir todas as parcelas como transação com a data no futuro vai interferir nos valores que eu vejo atualmente. Como isso não é uma necessidade crítica para mim, o Grana Forte é minha melhor opção… mas se existisse essa funcionalidade, pra mim seria ótimo!

O Grana Forte tem uma versão trial de 30 dias. Depois, para continuar usando, é necessário comprar a licença, no valor de R$ 39,00.