Nostalgia – Disquetes e Câmera Analógica

Dia de arrumação em casa. Meu pai me chama e pergunta: Isso ainda presta? Posso jogar fora? Quando olhei, ele falava de um balde (sim, um balde…) cheio de disquetes… Pra quem não lembra, aqueles trambolhos quadrados, de 3,5 polegadas, que armazenavam 1.44 MB, que num passado distante, quando ainda chamavam disco rígido de winchester

Salvos na última hora...

Putz… a vontade que me deu na hora foi de dizer que prestava, e tentar arrumar um lugar pra eles. Logo depois, pensei melhor e vi que se eu dissesse isso, meu pai ia confirmar com minha mãe, e ela ia mandar jogar todos no lixo sem pensar duas vezes. Desta forma, tive que selecionar aqueles que seriam salvos, escolhendo alguns que eu havia usado pra trabalhos na escola (MegaLogo, Micromundos, Super Robby anyone?), outros com os quais usei o protocolo DPC/DPL* para transferir arquivos, alguns com joguinhos que me marcaram, e no mínimo um de cada marca dos que estavam no balde.

Lembro-me que enquanto alguns disquetes não duravam uma semana (isso quando não já vinham com problema), outros duraram anos. Os StarLife, Verbattim e Dysan, no que minha memória permite que eu lembre, eram os melhores. Lembro também da época dos disquetes coloridos, que minha mãe adorava, e da invasão dos discos de marca Pengo, dos quais felizmente eu não cheguei a possuir, mas vi muita gente perder dinheiro e tempo comprando uma caixa com 10 disquetes e NENHUM funcionar (vi isso acontecer mais de uma vez… na época, os professores do colégio ainda usavam disquete consideravelmente, e quando não estava em aula, eu ficava na informática do colégio… O pessoal que trabalhava lá (Wilson e Luciano, um abraço!) chega ficava com aquela cara de “riso contido” quando alguém chegava com um disquete Pengo dizendo que não estava funcionando :)).

Por fim, consegui poupar 15 disquetes, e guardei junto a outras tranqueiras velhas com valor sentimental que possuo, como uma placa de vídeo Cirrus Logic e uma de som que nem lembro a marca. Também tenho um notebook Bondwell B200 (Notebook XT!!! Este post (em inglês) descreve bem a máquina), que liga, mas está com a tela queimada.

Yashica MF-3 Super, filme normalmente para 36 fotos. Minha Fuji A860 com o SD na imagem de baixo (2GB): ~300 fotos em 8MP...

Uns 10 minutos depois de vir com os disquetes, meu pai me chama de novo, perguntando se essa máquina da foto ao lado ainda prestava. A máquina é de minha mãe, e foi usada pela última vez faz tanto tempo, que eu nem lembro… mas meu senso de “preservação de tecnologia” não permitiu que ela fosse pro lixo também. Acabei guardando pra posteridade também.

Apesar do título do post ter “Nostalgia”, eu não sinto falta nenhuma da época em que tanto essa câmera analógica quanto os disquetes eram usados. Adoro sair na rua e tirar uma foto de uma besteira qualquer, sem me preocupar que “só vão sobrar 35 poses no filme”. Nas férias pós Imagine Cup, quando passei 5 dias em Istambul com o pessoal da Proativa e Vinícius da equipe de games, durante um passei que fiz, em quatro horas tirei 340 fotos, mais de uma por minuto… Imagina sair com 10 filmes e ficar trocando no meio da rua… Ou então transportar os 338 MB ocupados por essas fotos em disquetes. Não, obrigado. Que venha o novo!

* Para quem não conhece, DPC/DPL significa Disquete Pra cá / Disquete pra lá, protocolo muito utilizado para transferência de arquivos entre computadores na década de 1990. 😉

Anúncios

3 Responses to Nostalgia – Disquetes e Câmera Analógica

  1. Rodrigo M disse:

    Olá, gostaria de saber se deseja vendar essa Yashica MF-3 Super

    aguardo resposta.

  2. Caio Vieira disse:

    Voce vende essa Yashica?

  3. boa tarde , compramos disquetes de 1.44 usados ,favor se vc saber quem tem para vende me fala

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: